Meio AmbienteNotícias

As lembranças das mais de 325 vítimas pato-branquenses da covid-19 estarão preservadas em forma de ipês em Pato Branco. Na tarde do sábado (24), a Prefeitura inaugurou o Parque dos Ipês, memorial para pato-branquenses que faleceram devido à doença.

 

“Foi um momento muito emocionante”, salienta o prefeito de Pato Branco, Robson Cantu.

 

O ato contou com a presença de familiares das vítimas, que realizam o plantio da árvore, identificando com o nome da vítima. “O ipê tem um significado muito lindo, por isso optamos em eternizar as memórias dessas pessoas com essa árvore. O Parque dos Ipês é para todos, para preservar e para tocar o coração, como uma forma de valorizar ainda mais a nossa família”, reforça o prefeito.

 

Também estiveram presentes, autoridades locais e profissionais da saúde, que estiveram à frente no enfrentamento da doença. “Mais uma vez reforço a gratidão para esses profissionais”, pontua o prefeito.

 

Carlos Roberto Gabriel, esteve prestando homenagem ao cunhado, Joarez da Costa. Para ele o local é uma forma de digna de se despedir. “É uma forma digna de poder se despedir, porque na pandemia não deu, não tinha como fazer um velório. Uma ideia ótima (o local) que vai ficara para sempre”.

 

Anexo ao Parque da Pedreira, no espaço foram plantados os mais variados tipos de ipês.

 

Cristiane Agazzi Canmozzato perdeu o pai, Antônio Agazzi. Ela frisa que o espaço será um local para reflexão. “Achei muito interessante esse projeto, pois de alguma forma nossos entes queridos foram lembrados com carinho, pois não tivemos a oportunidade de oferecer um velório descente. O espaço será um local para reflexão”.

 

O memorial atende a Lei 5.853, de 3 de dezembro de 2021, de autoria do vereador Rafael Celestrin.

 

Elaine Poletto não pode comparecer, mas agradeceu a homenagem. “Linda homenagem. Quando eu chegar (em Pato Branco) com certeza vou lá ver”, frisa. Elaine perdeu o marido, Alterio Poletto.

 

Ação, organizada pela Secretaria Municipal de Meio Ambiente, também fez parte das atividades em celebração ao Dia da Árvore, comemorado no dia 21 de setembro. O projeto, prevê o total de mais de 750.

 

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

Postar Comentário