Secretaria da Saúde

 

A Fármacia Central de Pato Branco atende por dia cerca de 1000 pacientes que recebem os medicamentos de forma gratuita.

São cerca de 380 itens entre medicamentos de distribuição geral e protocolos específicos distribuídos diretamente para os pacientes, farmácias satélite, UPA e para cada Unidade Básica de Saúde. Para adquirir esses fármacos o Município trabalha na forma de licitação e através do Consórcio Paraná Saúde, que é administrado pelo Estado e atende 399 municípios.

Escassez

Recentemente os laboratórios farmacêuticos têm apresentado dificuldades em produzir certas substâncias e fazer a entrega dentro do prazo definido. Isso se deve à escassez de determinados insumos importados, grande parte da China e da Índia. Somado às situações de crise internacionais como a guerra e os constantes lockdowns na Ásia, a pandemia também interferiu no abastecimento de alguns remédios e itens de saúde diante da grande demanda. Nos últimos dois anos a produção em todo o mundo esteve focada nessas necessidades. “Com o aumento da demanda durante e após a pandemia a produção não tem sido suficiente” explica o farmacêutico responsável pela Farmácia Central, Fernando Branco.

É uma realidade que afeta não somente Pato Branco, mas a grande maioria das cidades que enfrentam o mesmo impasse na compra dos medicamentos. Não se trata de falta de recursos ou ainda, atraso nos pedidos, mas sim uma insuficiência na fabricação dessas drogas.

Segundo o farmacêutico, a situação do Município em comparação aos demais é muito equilibrada, pois além da organização junto aos médicos para que se substitua pelos medicamentos equivalentes no momento da prescrição, a porcentagem em falta é muito baixa em relação às opções em estoque.

O planejamento de pedidos que anteriormente era feito para até três meses foi ampliado para atender por pelo menos seis meses, com objetivo de manter uma margem de segurança, ainda que a programação em relação à validade seja superior a esse prazo, atendendo até 18 meses.

 

 

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

Captcha - Digite a Letras Abaixo : *

Reload Image

Postar Comentário