Sem categoria

O painel personalizado que cobre a grade em volta do Aeroporto Regional Juvenal Loureiro Cardoso foi instalado para garantir a segurança dos passageiros e tripulantes durante os voos originários de Pato Branco.

A partir da indicação, apontada pela vistoria da companhia aérea Azul, a respeito da existência de um chamado ponto vulnerável foi providenciado a cobertura. A ação foi realizada a fim de evitar o contato entre o lado interno da área restrita do aeroporto com o lado externo, já que a zona de embarque é localizada muito próxima ao espaço externo

Com essa proximidade se faz necessário a medida de segurança para impedir atos de interferência ilícita, o que significa qualquer prática que possa ameaçar o procedimento padrão que protege todas as pessoas envolvidas na aviação.

Antes do embarque todos que passarão para a área restrita do aeroporto são submetidos à inspeção, onde acontece a triagem dos objetos permitidos e dos proibidos na aeronave.

“Não podemos prever a intenção das pessoas, portanto, ainda que pareça exagerada essa é uma atitude necessária para manter a segurança da aviação desde o momento de embarque” explica a Diretora do Departamento de Transporte Aéreo, Elenice Catafesta Smiderle.

Sendo possível o contato com a área externa a inspeção perde sua validade, e pode ser necessário, inclusive, refazer a triagem com a presença de todos os passageiros. Para evitar esse tipo de situação, a segurança que antes era preservada com o acompanhamento de um agente para fiscalizar agora está mais simples.

“As normas que regulam a aviação são únicas, cabendo ao operador de cada aeródromo estar atento ao seu cumprimento, portanto foi necessário o isolamento da área para conduzirmos o procedimento ideal” completa Elenice.

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

Postar Comentário