Website oficial do Município de Pato Branco

Notícia

Conheça os serviços do Centro de Orientação e Apoio Sorológico de Pato Branco

Atualmente, estão cadastrados, aproximadamente 350 pacientes em acompanhamento e tratamento

Na terça-feira, 1º de dezembro, foi celebrado o Dia Mundial de Combate à AIDS e, em Pato Branco, a Prefeitura, através da Secretaria Municipal de Saúde, realiza atendimento no Centro de Orientação e Apoio Sorológico (Coas) aos pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS), portadores de Infecções Sexualmente Transmissíveis (IST), HIV, hepatites virais, bem como, trabalha na prevenção, promoção e proteção à saúde.

Atualmente estão cadastrados no Coas aproximadamente 350 pacientes em acompanhamento e tratamento, das mais variadas faixas etárias, sendo que pacientes jovens em fase reprodutiva, de 20 a 39 anos, predominam os casos. Neste ano, o número de usuários do serviço diminuiu em relação a 2019, passando de 25 novos diagnósticos no ano passado para 15, em 2020.

Conforme a coordenadora do Coas, Bernardete Centurion, a rede pública de saúde disponibiliza a PEP sexual, que é a profilaxia pós-exposição, medida de prevenção que consiste no uso de medicamentos até 72 horas após a relação sexual (preferencialmente nas primeiras 2 horas/por 28 dias), para reduzir o risco da transmissão de HIV, quando ocorrer falha ou não uso do preservativo e também em casos de violência sexual, acidente com perfuro cortante ou qualquer acidente que haja contaminação com sangue.

Disponível também no Sistema Único de Saúde de Pato Branco, com objetivo de reduzir a transmissão do HIV, há a PrEP, que é uma estratégia adicional de prevenção combinada do HIV – Profilaxia Pré-exposição sexual, que contribui para o alcance das metas relacionadas ao fim da epidemia, é seguro e eficaz. A PrEP consiste no uso de antirretroviral para reduzir o risco de adquirir a infecção do HIV é indicada aos segmentos populacionais prioritários como gays e outros homens que fazem sexo com homens (HSH), pessoas trans, profissionais do sexo e parcerias sorodiscordantes para o HIV.

Também são disponibilizados em todas as Unidades Básicas de Saúde (UBS), Unidade de Pronto Atendimento (UPA) e no COAS – Centro de Orientação e Apoio Sorológico, teste rápidos para HIV, Sífilis, Hepatite B e Hepatite C.

Segundo Bernardete, no Brasil, a epidemia de HIV/AIDS é concentrada em alguns segmentos populacionais que respondem pela maioria de casos novos. “No entanto, percebemos e acreditamos felizmente, que melhorou bastante essa questão da sexualidade na base familiar e que isso realmente é cultural. Os pais estão mais informados a respeito das infecções sexualmente transmissíveis e falam a respeito dessas doenças com seus filhos, recomendando o uso do preservativo nas relações, mas ainda estamos muito longe do ideal”, ressalta.

     O Coas atende de segunda a sexta-feira, das 07h às 12h e das 13h às 16h e, está localizado na rua Paraná, 340, no Centro. Mais informações pelo telefone 3213-1730 ou e-mail: coas@patobranco.pr.gov.br.       

FAÇA UM COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Ainda não existem comentários