Website oficial do Município de Pato Branco

Notícia

Academias da Saúde de Pato Branco são destaque no Paraná

Pato Branco ficou em 1º lugar em virtude da qualidade do atendimento ofertado à população

A Secretaria da Saúde do Estado do Paraná publicou um diagnóstico do monitoramento estadual do Programa Academia da Saúde, referente a atuação dos municípios em  2018. Como resultado do estudo, Pato Branco ficou em 1º lugar no Paraná, liderando entre as cidades de abrangência da 7ª Regional de Saúde, a regional com melhor desempenho. O destaque se deu em virtude do trabalho e projetos desenvolvidos pelas Academias da Saúde, coordenadas pela Prefeitura de Pato Branco, por meio da Secretaria Municipal de Saúde. 

“Este reconhecimento é fruto das políticas públicas municipais, que têm como premissa o eixo da promoção e prevenção da saúde. A atuação das Academias da Saúde demonstra que, por meio de atividades físicas, estimula-se, além dos benefícios físicos, a autoestima, as relações interpessoais e o estabelecimento de vínculos, na busca do equilíbrio corpo-mente. Este é um diferencial de Pato Branco, que tem a saúde pública como prioridade e que mantém um trabalho voltado à qualidade de vida da sua população”, avalia a secretária municipal de Saúde, Márcia Fernandes de Carvalho. 

Pato Branco possui duas unidades da Academia da Saúde, uma no Bairro Pinheirinho e outra no Bairro La Salle, junto ao Largo da Liberdade. Na Academia da Saúde do Bairro Pinheirinho, são atendidos moradores dos bairros Pinheirinho, Cristo Rei, Jardim Floresta, São Cristóvão, Alvorada, Gralha Azul, Santo Antonio, Sudoeste, São Roque, Novo Horizonte, Veneza e Morumbi, que têm o apoio dos profissionais do Núcleo Ampliado de Saúde da Família (NASF), que atuam de forma integrada com as Equipes de Estratégia Saúde da Família (ESF).

Academia da Saúde do Bairro Pinheirinho, situada na Rua Ivaí

Na unidade do Bairro Pinheirinho, a população encontra profissionais das áreas de Educação Física, Nutrição, Psicologia, Farmácia, Assistência Social e Fisioterapia, que promovem aulas de pilates, ginástica funcional, fit mix, zumba, alongamentos, treinamento funcional, circuito de saúde, caminhadas e auriculoterapia, além de programas multiprofissionais relacionados a mudanças de hábitos, entre outros.


Academia da Saúde do Bairro Pinheirinho, situada junto ao Largo da Liberdade

Já na Academia da Saúde do Largo da Liberdade, a população pode participar de oficinas de ginástica funcional, alongamento, hidroterapia, power training, circuitos, ginástica aeróbica, além de atividades de hidroginástica para idosos e aeróbica. As atividades ocorrem de forma integrada com a Secretaria Municipal de Esporte e Lazer, por meio da estrutura disponibilizada no Largo da Liberdade, que dispõe de Centro Aquático, pista de caminhada, quadras sintéticas, academia da terceira idade, entre outros.

Juntos, em 2018, os dois espaços atenderam 2.265 pessoas. O trabalho desempenhado, envolvendo práticas esportivas, hábitos saudáveis, lazer e prevenção, colocou a cidade em posição de destaque na vitrine estadual. Para mais informações, basta entrar em contato com a Academia da Saúde do Bairro Pinheirinho, pelo telefone (46) 3213-1715 ou com a Academia da Saúde do Bairro La Salle, pelo (46) 3220-6087.

Referência estadual

O Programa Academia da Saúde, lançado em 2011 pelo Governo Federal, está presente em 180 municípios do Estado, o que representa 45.11% dos 399 municípios paranaenses. Na realização do diagnóstico, foram identificadas 12.196 pessoas, de variadas faixas etárias, que participam de alguma atividade nas Academias da Saúde do Paraná.

Nas cidades de abrangência da 7ª Regional de Saúde, há 13 Academias da Saúde, todas concluídas e, nove, em funcionamento. De acordo com o estudo, o Paraná possui 226 Academias da Saúde, destas, 22 obras foram canceladas, por não terem cumprido os critérios da legislação vigente.

O diagnóstico

Das 22 Regionais de Saúde do Paraná, 18 realizaram visitas “in loco” para levantamento dos dados, totalizando 98 polos visitados. Destes, 70 polos desenvolvem ações de práticas corporais, produção do cuidado e modos de vida saudáveis, alimentação saudável, entre outras atividades.

O Monitoramento do Programa Academia da Saúde se deu, também, a partir da aplicação de questionário, que objetivou identificar os modos de gestão do Programa, permitindo o conhecimento do cenário municipal e regional.

FAÇA UM COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Ainda não existem comentários